Rogério Ceni deixa comando do São Paulo

Rogério Ceni não é mais treinador do São Paulo. Em reunião no centro de treinamento da Barra Funda, ficou definida a saída do treinador do comando do Tricolor.

Saiba mais

•           Ceni deixa o São Paulo com desempenho de 60,78% de aproveitamento no ano – são 17 jogos, com nove vitórias, quatro empates e quatro derrotas

•           Nesta segunda passagem, que começou no 2º semestre de 2021, Ceni dirigiu o São Paulo em 106 jogos, com 49 vitórias, 28 empates e 29 derrotas – aproveitamento de 55,03%

•           Pesou contra Ceni na avaliação dos diretores do clube o desempenho ruim da equipe dentro de campo nos últimos jogos. Diretoria do clube esperava-se um melhor rendimento com as três semanas livres para treinar após a eliminação

•           Na noite de terça-feira, o São Paulo venceu o Puerto Cabello, na Copa Sul-Americana, no Morumbi, por 2 a 0, com dois gols nos 5 minutos finais

Na entrevista coletiva, após o jogo, Ceni ‘desafiou’ a diretoria do clube, dizendo que não pediria demissão em nenhum momento, somente sairia se fosse demitido

•           Alguns membros da cúpula tricolor, inclusive, já procuraram Dorival Júnior, desempregado desde a saída do Flamengo, no final do ano passado – o profissional, porém, não confirmaram o contato

•           Além dos resultados, Rogério Ceni viu a pressão aumentar depois de atritos com jogadores dentro do clube. O caso mais famoso com o atacante Marcos Paulo. Na ocasião, o treinador cobrou o atacante por postagens nas redes sociais e viu parte do elenco reprovar sua conduta.

•           São Paulo joga no sábado, pela 2ª rodada do Brasileirão, contra o Coritiba, no Morumbi – na estreia do Nacional, perdeu do Botafogo por 2 a 1

Fonte: https://www.esportepaulista.com.br/2023/04/rogerio-ceni-deixa-comando-do-sao-paulo.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *