RELEMBRE A CARREIRA DE JAMES RODRÍGUEZ, O NOVO REFORÇO DO SÃO PAULO

Na tarde da última terça-feira (2), o meio campista James Rodríguez foi apresentado como o mais novo jogador do São Paulo. A contratação do jogador, sem dúvidas, foi uma das maiores transferências do futebol brasileiro.

James Rodríguez é um jogador colombiano de apenas 32 anos de idade, o atleta conseguiu escrever seu nome no futebol europeu logo após se apresentar ao mundo no Brasil, durante um dos maiores eventos do planeta.

Início de James Rodríguez no futebol

A carreira de James começou muito cedo, quando tinha apenas 16 anos, o jovem colombiano foi promovido ao time principal do Envigado, da Colômbia. Seu desempenho chamou a atenção do Banfield, da Argentina, que contratou o jogador por 280 mil euros.

Na Argentina, James Rodríguez começou jogando no time B do Banfield, e por lá ficou durante sua primeira temporada. Em 2009, o meia foi promovido ao time principal, conseguindo sua primeira grande chance de mostrar seu talento no futebol.

Em julho do ano seguinte, o time português FC Porto se interessou pelo jovem e realizou uma transferência de 7,35 milhões de euros pelo jogador. A negociação fez com que James Rodríguez tivesse sua chance de brilhar na Europa.

Primeiras impressões no velho continente

A chegada de James Rodríguez ao futebol português não gerou grande impacto no Porto, pelo menos não nos primeiros momentos. O jovem de 19 anos teve que ser paciente até receber as primeiras oportunidades de jogar, porém, em apenas algumas partidas, a torcida dos Dragões já sabia que estavam diante de um grande jogador.

James passou três temporadas defendendo as cores do Porto. Até que, em julho de 2013, o Mônaco, time que disputa a Ligue 1, da França, fez uma proposta de 45 milhões de euros para ter o jogador em seu elenco. O time português até fez jogo duro, mas não conseguiu segurar sua joia colombiana.

Na França, James não teve muito tempo para apresentar seu talento colombiano, já que o meia ficou apenas uma temporada no clube. Mas não por culpa de um desempenho ruim ou algo assim, pelo contrário, sua magia apresentada na Copa do Mundo de 2014 chamou a atenção do mundo inteiro.

A Copa do Mundo do Brasil

Sem dúvidas, um dos maiores, se não o maior, momento da carreira de James Rodríguez. O meia colombiano fez história durante a competição ao levar seu país a uma inédita disputa das quartas de final, onde caiu justamente para os donos da casa, o Brasil.

Apesar da derrota, James foi o maior destaque da competição, conquistou o prêmio de artilheiro do torneio, com seis gols, e levou para casa o prêmio de melhor jogador jovem da Copa do Mundo.

Além disso, um de seus gols marcados durante a competição, um lindo voleio de fora da área contra o Uruguai ganhou o prêmio Puskás da temporada, e entrou na seleta lista de gols históricos da competição.

Seu desempenho espetacular chamou a atenção de grandes times do futebol, e James acabou sendo vendido para o qual muitos consideram o maior clube do mundo, o Real Madrid.

Trajetória europeia conturbada

No Real Madrid, James Rodríguez conquistou diversos títulos como a La Liga, a Champions League, a UEFA Super Cup e o Mundial de Clubes. No entanto, sua passagem acabou não sendo tão brilhante da forma que todos esperavam, o que fez com que o jogador fosse emprestado ao Bayern de Munique, da Alemanha.

No time alemão, James continuou apresentando seu bom futebol e ganhando títulos, com as conquistas da Bundesliga e da DFB-Pokal (Copa da Alemanha). Sua galeria de títulos continuou aumentando, entretanto, não foi o suficiente para que o Real Madrid o mantivesse no elenco após seu retorno.

Após passar uma temporada sem ser aproveitado, o colombiano foi negociado com o time inglês Everton, onde tinha as expectativas de retomar os trilhos da carreira, entretanto, o mal desempenho no clube inglês fez com que sua trajetória na Europa terminasse de maneira melancólica.

Queda de rendimento e nova chance no São Paulo

Após o fim de sua trajetória na Europa, James foi defender as cores do Al-Rayyan, do Catar, clube por onde jogou apenas uma temporada. Na sequência, James Rodríguez foi fazer parte do ambicioso projeto do Olympiacos, da Grécia, que contava com outros grandes nomes como o do lateral esquerdo Marcelo.

Porém, sua passagem na Grécia acabou rapidamente, com menos de uma temporada disputada. Desde abril de 2023, o meio campista estava sem clube, até que, em uma negociação que durou 50 dias, James Rodríguez assinou com o São Paulo.

A expectativa é de que o craque reencontre os bons momentos em campo, no mesmo país em que conseguiu escrever seu nome na história da Copa do Mundo e abrir suas portas no futebol mundial.

Fonte: https://onefootball.com/pt-br/noticias/relembre-a-carreira-de-james-rodriguez-o-novo-reforco-do-sao-paulo-37961662

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *