Conmebol lança candidatura sul-americana quádrupla para a Copa de 2030

Nesta terça-feira (2), dirigentes de Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile se reuniram pela primeira vez em um escritório montado em Montevidéu para lançar a candidatura quádrupla para a Copa do Mundo de 2030.

O vice-presidente da AFA, Rodolfo D’Onofrio, e os presidentes das federações do Paraguai, Chile e Uruguai, Robert Harrison, Pablo Milad e Ignacio Alonso, respectivamente, estiveram ao lado do presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, para promover o “Mundial Centenário”.

O nome é justamente um trunfo dos sul-americanos para vencer a concorrência pois lembra os 100 anos da primeira Copa do Mundo, disputada em 1930, no Uruguai.

“É o sonho de um continente. De uma cidade uruguaia, compartilhada por outras três cidades. A América do Sul entende que o futebol tem que reconhecer e não contestar. Haverá mais Copas do Mundo, mas 100 anos serão cumpridos uma única vez e você terá que voltar para casa. É motivo mais do que suficiente para a Fifa aceitar que se trata de uma candidatura única. Com o passar dos anos haverá outras possibilidades para outros continentes”, afirmou o presidente da Conmebol.

As candidaturas com múltiplas sedes são tendência no Mundo. A Copa de 2026 será realizada nos Estados Unidos, México e Canadá. E os concorrentes dos sul-americanos para 2030 são Portugal/Espanha, Grécia/Bulgária/Romênia/Sérvia, além da China e do Marrocos.

Além da Copa do Uruguai, em 1930, a América do Sul já foi sede do Mundial em 1978, na Argentina, e em 1950 e 2014, no Brasil. Na América do Norte, o torneio já foi realizado no México, em 1970 e 1986, e nos Estados Unidos, em 1994.

FONTE: https://onefootball.com/pt-br/noticias/conmebol-lanca-candidatura-sul-americana-quadrupla-para-a-copa-de-2030-35564424

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *